Mas, afinal, qual livro foi o mais vendido no Brasil em 2021?

Em artigo escrito especialmente para o PN, Eduardo Cunha, diretor de negócios da Yandeh, reflete sobre a notícia sobre qual foi o livro mais vendido no ano passado

Desde a virada do ano, tenho recebido muitos links de colegas do mercado editorial me perguntando: Qual, afinal, foi o livro mais vendido no Brasil em 2021?

Tudo começou quando a Amazon divulgou à sua lista, apresentando arar bolo (Ainda), de Itamar Vieira Jr. como o campeão de vendas do ano. A Folha de S.Paulo noticiou a notícia que, posteriormente, foi replicada por diversos veículos de comunicação. Alguns, porém, não especificam que eram apenas curativos feitos pelo varejista e, portanto, não refletiam tudo. Eu comecei a confusão lá.

Na sequência, o Valor Econômico também publica uma lista dando dois mil ao milhão (HarperCollins), de Thiago Nigro, ou o título de banda do ano. O erro aqui é que a matéria não especificava qual livro era o mais vendido na categoria Negócios. Mas uma confusão para a lista.

Existe até uma matéria da CNN afirmando que Carla Madeira é a segunda autora “mais popular” do Brasil, sem citar onde ela disparou essa informação e, pior, inferir que o livro comprado é um livro válido.

Aqui não é o PublishNews da Veja, o livro mais vendido foi Mais sábio que o inferno (Cidadela) de Napoleon Hill.

Muito bem… Resolvi escrever este artigo para explicar um pouco melhor essas divergências.

A Yandeh, empresa que represento e que fornece a base para a lista da Veja e parte da lista do PN, monitora a venda de livros em mais de 350 lojas em 25 estados. Podemos afirmar, portanto, que temos uma boa capilaridade, e que nossos resultados são apenas alguns dos curativos feitos por esse grupo de varejistas.

Pela nossa metodologia, é correto afirmar que arar bolo Foi, porém, o livro de autor brasileiro mais vendido na categoria Ficção, com 188.933 exemplares vendidos ao longo de 2021. Um feito e, portanto, não foi o livro mais vendido do ano, nem o livro de ficção mais vendido. de 2021 Este post pertence a para o lago (Faro), de Charlie Donlea, com 196.231 exemplares vendidos. Também vale a pena notar que para o lago lago Ficou em quarto lugar entre os livros mais vendidos do ano.

O autor brasileiro mais vendido do ano também não foi Itamar Vieira Junior, apesar do número espetacular de livros vendidos e da euforia nas redes sociais, com vários posts atribuindo-o à marca.

O autor brasileiro que mais vendeu livros em 2021 foi Thiago Nigro: foram 200.475 exemplares de dois mil ao milhãomais ou “primo rico” ficou no segundo cabelo pelo segundo ano consecutivo e não foi o livro mais vendido do ano!

Já na ficção, o livro mais vendido do ano foi Mulheres que correm como lobos (Rocco), de Clarissa Pinkola Estés, com 199.569. O número garantido também é o terceiro colocado na lista geral.

Mas, afinal, qual livro foi o mais vendido no Brasil em 2021?

Pela nossa metodologia, o livro mais vendido do ano no Brasil em todas as categorias foi, pelo segundo ano consecutivo, Mais sábio que o inferno, com 247.672 cópias vendidas. O que aparece aqui não é PN e também na Veja.

Abaixo estão os 10 livros mais vendidos do ano em cada categoria da lista geral:

ajuda automática
1 Mais sábio que ou Diabo Colina de Napoleão; Citação do Editor 247.672
2 dois mil ao milhão Thiago Preto; HarperCollins 200.475
3 Ó homem mais rico da Babilônia GEORGE CLASON; HarperCollins 189.454
4 O poder dá autorresponsabilidade Paulo Vieira; Pessoas 184.733
5 Mentalidade milionária José Roberto Marques; Editor de Buzz 156.035
6 O poder do hábito Charles Duhigg; Objetiva 155.091
7 Os segredos da mente milionária T. Harv Eker; Editor de Sextantes 150.766
8 Pai rico Pai Pobre KIYOSAKI, ROBERT / LECHTER, SHARON Alta Livros 144.610
9 mentalidade Carol S. Dweck; Objetiva 123.687
10 Coragem para ser imperfeito Brené Brown; Editor de Sextantes 123.573
ficção
1 para o lago lago Charlie Donlea; farol editorial 196.231
2 arar bolo Itamar Vieira Júnior; Ainda 188.933
3 Uma revolução dois bugs Jorge Orwell; Vários Editores 171.891
4 Os sete maridos de Evelyn Hugo Taylor Jenkins Reid; Paralelo 160.039
5 1984 Jorge Orwell; Vários Editores 156.997
6 Teto Para Dois Beth O’Leary; intrínseco 93.806
7 É assim que termina Coleen Hoover; cozinha 71.347
8 o duque e eu Júlia Quinn; Editora Arqueiro 57.864
9 Ou Morro dos Ventos Uivantes Emily Bronte; Vários Editores 52.942
10 admirar o novo mundo Aldous Leonard Huxley; Biblioteca Azul 52.489
criança e jovem
1 Caixa Harry Potter JK Rowling; ROCHA 193.756
2 Sangue vermelho, branco e azul Casey McQuiston; Next 149.878
3 mentirosos E.Lockhart; Next 136.310
4 a chuva vermelha Victoria Avenue; Next 104.674
5 Corte de espinhos e rosas (Vol. 1) Sarah J. Maas; cozinha 101.579
6 Harry Potter é a Pedra Filosofal JK Rowling; ROCHA 93.579
7 amor & gelato Jenna Evans Welch; intrínseco 92.067
8 Para seleção Kiera Cass; Next 69.101
9 Um de nós está mentindo Karen M. McManus; cozinha 68.177
10 Corte de chamas prateadas (Vol. 4 Corte de espinhos e rosas) Sarah J. Maas; cozinha 67.238
Não Ficção
1 Mulheres que correm como lobos Clarissa Pinkola Estes; rocco 199569
2 Sapiens – Uma Breve História da Humanidade YUVAL NOAH HARARI; Companhia das Letras 78333
3 Pequeno manual antirracista Jamila Ribeiro; Companhia das Letras 77835
4 rápido e vagar Daniel Kahnemann; Objetiva 64683
5 Lady Killers: Assassinas na Série Tori Telfer; lado escuro 63085
6 Escravidão – Volume 2 Laurentino Gomes; Globo Livros 56078
7 O Diário de Anne Frank Anne Frank; Vários Editores 54692
8 meditações Marco Aurélio; temporário 35070
9 Sociedade de Cansaco Byung Chul Han; Editor de vozes 30907
10 Escravidão – Volume 1 Laurentino Gomes; Globo Livros 27454
Em geral
1 Mais sábio que ou Diabo Colina de Napoleão; Citação do Editor 247.672
2 dois mil ao milhão Thiago Preto; HarperCollins 200.475
3 Mulheres que correm como lobos Clarissa Pinkola Estes; rocco 199.569
4 para o lago lago Charlie Donlea; farol editorial 196.231
5 Caixa Harry Potter JK Rowling; ROCHA 193.756
6 Ó homem mais rico da Babilônia GEORGE CLASON; HarperCollins 189.454
7 arar bolo Itamar Vieira Júnior; Ainda 188.933
8 O poder dá autorresponsabilidade Paulo Vieira; Pessoas 184.733
9 Uma revolução dois bugs Jorge Orwell; Vários Editores 171.891
10 Os sete maridos de Evelyn Hugo Taylor Jenkins Reid; Paralelo 160.039

* Eduardo Cunha é formado em Marketing e Administração; MBA em Gestão Empresarial pela FGV. Estou no mercado editorial há 20 anos, tenho muita experiência em toda a cadeia do livro, principalmente na sua área comercial, fui um dos primeiros profissionais a apostar no Marketplace no Brasil. Começou na Revista dos Tribunais, passou pela gestão da Vértice Books e, por ambas, tornou-se co-fundador do Grupo BOOKPartners, foi Diretor de Operações da Ciranda Cultural, editora líder no segmento infantil, e responsável por todas as estratégias da editora e ferramentas de suporte a vendas, atualmente diretor de negócios da Yandeh responsável pela divisão do mercado editorial, além de prestar consultoria a outros players do mercado.

** Este texto não reflete necessariamente a opinião do PublishNews

.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *