Além de Travessia, personagem voltará em outra novela

Recurso estratégico ou falta de criatividade? Seja qual for o motivo ou motivo, ou fato é que o retorno de personagens que se destacaram nas novelas anteriores está em alta na Globo. Depois de Helô (Giovanna Antonelli) e Stenio (Alexandre Nero), que pularam de Salve Jorge (2012) para Travessia, agora será um personagem de Deborah Secco (na foto abaixo, entre Juliana Alves e Vitória Strada) costas com costas.

Juliana Alves, Deborah Secco e Vitória Strada em Salve-se Quem Puder
Divulgação / Globo

Trata da divertida atriz Alexia Máximo, do tipo que Deborah interpretou em Salve-se Quem Puder (2020). O personagem retorna à sua participação especial em vá para a féenredo que será inaugurado no próximo dia 16 na faixa das sete.

E, prove se quiser, essa não será a primeira aparição do personagem em outra obra. A espevitada nunca deu graça a Bom Sucesso (2019), justamente para promover a estrela de Salve-se Quem Puder, que substituiu a faixa.

CONTINUAR APÓS A PUBLICIDADE

cruzamento

Diego Montez
reprodução

Mas Alexia não será a única personagem conhecida a retornar a Vai na Fé. A atriz aparecerá na nova novela ao lado de William, personagem que Diego Montez (foto acima) vive em Bom Sucesso, e que também retorna com sua participação em Vai na Fé.

Segundo Patrícia Kogut, colunista de O Globo, Alexia se tornará uma consultora com cabelos apenas vorazes. Além disso, ela vai procurar a advogada Lumiar (Carolina Dieckmann), que vai exigir dois serviços.

CONTINUAR APÓS A PUBLICIDADE

não é

Salve Jorge - Alexandre Nero e Giovanna Antonelli
Divulgação

O recurso também foi interposto na Travessia, que trouxe a delegada Helô e o advogado Stenio de volta após terem feito sucesso como casal em Salve Jorge (foto acima), exatamente dez anos antes.

Gloria Perez explicou que decidiu retirá-los porque precisava de um representante e de um advogado para seu romance atual.

“O público não se esquiva e está sempre pedindo de volta. Nessa novela, eles se encaixam perfeitamente porque vamos falar sobre internet. Helô é delegada, precisamos de advogada também. Por que não traçar essa casa que foi tão icônica nas redes?”, explicou ao dramaturgo fale com a impressora antes do lançamento do título.

CONTINUAR APÓS A PUBLICIDADE

outros casos

cocô carvalho
Divulgação

A ideia de resgatar personagens de outras tramas não é nova. Entre 2021 e 2022, Germana (Vivianne Pasmanter), Licurgo (Guilherme Piva), Quinzinho (Theo Almeida/Augusto Madeira), Vitória (Maria Clara Gueiros) e Lurdes (Bia Guedes/Lu Grimaldi), que aparecerão em Novo Mundo (2017 ). , voltaremos a Nossos Tempos do Imperador (2021). Portanto, neste caso, o resgate de personagens era uma necessidade, já que este último era uma continuação direta do primeiro romance.

Mas, antes disso, haverá retornos que se tornarão clássicos. Um dos dois casos mais famosos é o de Dona Armênia (Aracy Balabanian), que fez tanto sucesso em Rainha da Sucata (1990) que acabou voltando em Deus nos Acuda (1992), ambos romances de Silvio de Abreu.

A autora acabou repetindo o mesmo recurso em Belíssima (2005), trama em que resgatou Jamanta (Cacá Carvalho), vista anteriormente em Torre de Babel (1998). Quanto a isso, uma personagem de Belíssima foi resgatada por Gilberto Braga em Paraíso Tropical (2007): a ex-vedete Mary Montilla (Carmen Verônica).

Mário Fofoca (Luis Gustavo) foi outro personagem que esteve em mais de uma novela. O engraçado detetive nasceu em Elas por Elas (1982) e voltou ao remake de Ti-Ti-Ti (2010). Mas, antes disso, ele também estrela uma série e um longa-metragem.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *